Grammy Latino ganha mais duas categorias; saiba detalhes

Nesta quarta-feira (27), a Academia Latina da Gravação anunciou algumas mudanças, incluindo área e categorias novas, no processo da 25ª edição do Grammy Latino. A organização criou a área Música Eletrônica, acompanhada da categoria de Melhor Performance de Música Eletrônica Latina, para singles e faixas vocais ou instrumentais.

As gravações devem ter 51% de tempo de execução de gêneros de música eletrônica latina, conforme definido pelo Latin Electronic Committee, bem como gêneros emergentes relacionados e elementos latinos. As que contêm interpolações/sampling e remixes são elegíveis. Outra categoria adicionada foi a de Melhor Álbum de Música Mexicana Contemporânea, voltada para álbuns vocais ou instrumentais que contenham pelo menos 51% do tempo total gravado com material novo e pelo menos 60% da essência dos gêneros da Música Regional Mexicana.

A Academia também alterou o nome de uma categoria já existente para Melhor Álbum de Música Popular Brasileira (MPB) e Música Afro-Portuguesa-Brasileira (MAPB), além da definição de Melhor Canção Cantor Compositor.

Agora, o troféu é para singles ou faixas contenham pelo menos 60% das letras em espanhol, português ou qualquer dialeto regional nativo e sejam músicas novas compostas e interpretadas 100% pelo(s) cantor(es) compositor(es). A entidade ainda mexeu nos critérios de elegibilidade para o prêmio de Melhor Vídeo Musical Versão Longa. Os vídeos, que antes precisavam ter pelo menos 20 minutos de duração, passaram a poder ter pelo menos 12 minutos.

Ver mais novidades


Warning: Array to string conversion in /var/www/clients/client25/web61/web/wp-includes/class-wp-query.php on line 3494