“Dia Brasil”: Rock in Rio lidera movimento para combater fome e pobreza com o maior encontro da música nacional já visto

Sem medo de errar, um momento para verdadeiramente marcar a história e os 40 anos do grande festival. Considerado desde já o maior encontro da história da música brasileira já tem data e local para acontecer: 21 de setembro, na Cidade do Rock. Da MPB ao Sertanejo, do Trap ao Samba, do Rock ao Funk, passando por muitos outros ritmos, o Rock in Rio anuncia o “Dia Brasil“: um movimento inédito nas quatro décadas de história do maior festival de música e entretenimento do mundo, que abraça a música nacional e um mundo melhor.

Com um line-up formado apenas por artistas brasileiros, a Cidade do Rock receberá nomes como Capital Inicial, Pitty, Luan Santana, Ana Castela, Daniela Mercury, Ney Matogrosso, Filipe Ret, MC Ryan SP, Chitãozinho & Xororó, Junior, Gloria Groove, Jão, Alcione, Zeca Pagodinho, Criolo, Djonga, Leila Pinheiro, Wanda Sá, Claudio Zoli, Hyldon, Jonathan Ferr, Antônio Adolpho, MC Dricka, MC Livinho, Nathan Amaral, Orquestra Jovem Da Sinfônica Brasileira, Kevin O Chris, MC Carol, Mochakk e muitos outros.

Arredondando números, 72 cantores farão parte deste momento histórico em prol da união para promover um mundo melhor, com a música sendo um fio condutor e agente mobilizador para uma ampla convocação. Será por meio do “Dia Brasil”, que o Rock in Rio vai atuar para chamar a atenção de uma nação inteira para duas das maiores causas urgentes no país hoje: o combate à fome e a superação da pobreza, em parceria com as ONGs Ação da Cidadania, desde já recebendo a doação de 1,5 milhão de pratos de comida, e Gerando Falcões, que por meio do projeto Favela 3D vai transformar a vida de 250 famílias nas regiões do Buraco e 60 do Morro da Providência, ambos no Rio de Janeiro.

Além do Dia Brasil, o Rock in Rio está liderando uma ação inédita que reúne mais de 60 artistas brasileiros para a gravação de um clipe da música “Deixa o Coração Falar“, composta especialmente para este movimento. A canção provoca uma reflexão de união e as incentiva sobre a importância do diálogo e do abraço para superar divisões no mundo.

A organização também anunciou que os direitos dos artistas que estão na composição serão destinados às duas ONGs parceiras do festival na luta contra a fome e a pobreza. O Rock in Rio também vai criar produtos licenciados que terão seus lucros revertidos em doações, além de promover leilões de instrumentos autografados. O público também poderá se engajar e participar, doando no site oficial do Rock in Rio e durante a compra de ingressos.

Além de shows ainda maiores nos palcos, o público poderá conhecer e aproveitar todos os outros espaços deste grande parque do entretenimento, como os brinquedos, o musical “Sonhos, Lama e Rock and Roll”, a Gourmet Square, a Babilônia Feira Hype, o Lounge Club, os restaurantes do Global Village, as ativações de marcas, um novo espaço com experiências imersivas onde a música, o entretenimento e a tecnologia se encontram, entre outros.

E não para por aí! Este 21 de setembro entrará para a história do festival como um dia ainda maior e mais especial! Nos palcos, a música brasileira será a protagonista, enquanto a plateia entrega um espetáculo à parte no gramado. Imagine um dia inteiro dedicado aos grandes artistas da música nacional dos mais variados ritmos e estilos musicais. Será o maior momento da história da música brasileira, com shows únicos e especialmente preparados para o privilégio de quem estará na Cidade do Rock assistir.

O maior encontro da musica brasileira em todos os tempos

O lema da edição deste ano do festival, “Rock in Rio, 40 anos e para sempre”, vai ser um dos destaques da divisão do line-up. Cada palco recebe diversas apresentações que são divididas pelos estilos musicais. Durante as performances, os artistas farão apresentações com momentos que contam com todos juntos e individuais.

No Palco Mundo, acontecem os shows de Capital Inicial, Detonautas, NX Zero, Pitty, Rogério Flausino e Toni Garrido no chamado “Para Sempre: Rock”. O “Para Sempre: Sertanejo”, Chitãozinho & Xororó se unem à Orquestra Heliópolis em uma apresentação inédita com os convidados Ana Castela, Junior, Luan Santana e Simone Mendes; no “Para Sempre: MPB” acontecem performances de Carlinhos Brown, Daniela Mercury, Majur, BaianaSystem, Ney Matogrosso e Margareth Menezes; para o “Para Sempre: Trap” o festival anunciou MC Cabelinho, Kayblack, Matuê, Orochi, Filipe Ret, MC Ryan SP e Veigh.

No Palco Sunset, o “Para Sempre: POP” contará com shows de Duda Beat, Gloria Groove, Jão, Ludmilla, Lulu Santos e Luísa Sonza; no “Para Sempre: Samba”, Zeca Pagodinho e sua banda, convidaram para subir ao palco Alcione, Diogo Nogueira, Jorge Aragão, Maria Rita e Xande De Pilares; já no “Para Sempre: Rap”, Criolo, Djonga, Karol Conká, Marcelo D2 e Rael são os artistas confirmados.

Enquanto isso, o Global Village recebe o “Para Sempre: Bossa Nova” com Bossacucanova com participação de Cris Delanno, Leila Pinheiro, Roberto Menescal e Wanda Sá; o “Para Sempre: Soul” com Banda Black Rio, Claudio Zoli e Hyldon; e o “Para Sempre: Jazz” com Leo Gandelman, Jonathan Ferr, Antônio Adolpho e Joabe Reis.

No Espaço Favela acontece o “Para Sempre: Funk” com shows de MC Don Juan, MC Hariel, MC IG, MC Livinho, MC Dricka, MC Ph; o “Para Sempre: Música Clássica” com Nathan Amaral e Orquestra Jovem Da Sinfônica Brasileira; e o “Para Sempre: Baile Funk” com Buchecha, Funk Orquestra, Mc Carol, Tati Quebra Barraco, Cidinho E Doca e Kevin O Chris.

Por fim, o New Dance Order recebe o “Para Sempre: Eletrônica” com os DJs Mochakk, Beltran X Classmatic, Eli Iwasa X Ratier e Maz X Antdot colocando toda a plateia para dançar ao som de muita dance music.

Ver mais novidades


Warning: Array to string conversion in /var/www/clients/client25/web61/web/wp-includes/class-wp-query.php on line 3494